04 Agosto 2017 In Notícias

“Um governo ilegítimo, para se livrar de uma acusação de corrupção, agiu como corruptor. Essa é a nossa indignação”, ressaltou José Adriano Ribeiro

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Acre (FIEAC), José Adriano Ribeiro, fez duras críticas à decisão da Câmara dos Deputados de barrar o pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para autorizar a análise de denúncia criminal contra o presidente da República, Michel Temer, por corrupção passiva, pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Para José Adriano, o Brasil, por meio de seus autênticos representantes do Legislativo, tirou do poder em 2016 um governo legítimo, eleito pelo povo e que teve não nenhum ato de ilegalidade comprovado, e agora manteve uma gestão declaradamente culpada no Palácio do Planalto. “Um governo ilegítimo, para se livrar de uma acusação de corrupção, agiu como corruptor. Essa é a nossa indignação”, ressaltou o presidente da FIEAC.

Mesmo insatisfeito com o arquivamento temporário da análise da denúncia para investigar o presidente da República, José Adriano destacou o posicionamento da bancada acreana na Câmara Federal. “Pelo menos, no caso particular do Acre, a maioria dos deputados federais demonstrou coerência e se posicionou favorável ao pedido de investigação de Michel Temer”, enfatizou.

Com a decisão da última quarta-feira, 2, os deputados livraram Temer de responder no Supremo Tribunal Federal a processo que, se instalado, provocaria o afastamento do presidente por até 180 dias. Agora, Temer responderá no STF somente após a conclusão do mandato, em 31 de dezembro de 2018.

Unicom

EMPRESAS


ACESSO RESTRITO


Intranet

ENDEREÇO


FIEAC
Avenida Ceará, 3727 - 7º BEC - CEP: 69918-108, Rio Branco, Acre - Fone: (0xx68) 3212-4200
UNIDADE INTEGRADA
DO SISTEMA FIEAC NO JURUÁ

Rua Afonso Pena, Nº 910, Bairro AABB - CEP 69980-000 - Cruzeiro do Sul - Acre - PABX (68) 3322-6597

logo bndes0001


banner cin   banner Legislacao   cub acre 2017   cont sindical

Você está aqui: Home Imprensa Artigos Itens filtrados por data: Sexta, 04 Agosto 2017